×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...

O Porto volta a dar o exemplo: em noite S. João, o povo ficou em casa

Carolina Bessa Carolina Bessa

porto vazio

As ruas da cidade estiveram vazias em noite de festa.

Já sabíamos que a programação especial para a noite de São João estava cancelada devido à pandemia e os planos que se iam fazendo eram, já por si, mais caseiros. No entanto, os Presidentes das Câmaras de Porto e Gaia uniram-se para estabelecer regras ainda mais restritas para conter os festejos e incentivar as pessoas a ficar em casa.

Na noite de 23 para 24 de junho, que normalmente leva todos à rua até altas horas da madrugada, a cidade do Porto estava deserta. Sentia-se o cheiro a sardinha assada, não faltou o caldo verde e os balões brilhavam no céu, mas tudo em família, dentro de casa.

Os habitantes do Grande Porto deram um enorme exemplo de responsabilidade e civismo, tendo colocado a saúde pública como prioridade. Como sabem, o São João é a maior festa popular destas cidades e a noite de 23 de junho é, por norma, a noite mais longa do ano no Porto.

Como avançou a Câmara Municipal do Porto,

Hoje, o Porto fechou-se para festejar o São João. De uma forma arrepiante, a cidade deu um exemplo solidário de civismo. Porque acredita no futuro, é capaz de sacrificar o seu presente. Esta não é uma cidade qualquer. Aqui, cerramos os dentes, fazemos das tripas coração. Somos assim. Ponto.

Publicidade

Da parte do Porto Secreto, também nós portuenses e amantes da festa do martelinho e do manjerico, só nos resta reconhecer esta atitude e agradecer. Estamos tremendamente orgulhosos. Parabéns e muito obrigado!

Foto de capa: @rodrigo_acmarrom

Notícias