×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...
Bem-estar & Natureza Notícias

Prepara-te para ver a maior, e última, Super Lua do ano

Valter Leandro Valter Leandro

Prepara-te para ver a maior, e última, Super Lua do ano

Amanhã, dia 26 de maio, podes observar a segunda e última Super Lua de 2021. Chama-se “Super Lua das Flores”. 🌕

A primeira Super Lua deste ano aconteceu na noite de 26 para 27 de abril, a Super Lua Rosa. E é já amanhã, a partir das 21h14 que vais poder ver a segunda e última Super Lua deste ano.

Segundo o Observatório Astronómico de Lisboa,

Na quarta-feira, dia 26 às 12h14 (hora de Lisboa), a Lua estará em fase de Lua Cheia, tendo atingido o perigeu no mesmo dia às 02h49 (a 357 310,962 quilómetros da Terra), e estando os 2 acontecimentos apenas desfasados entre si de 09h25. No dia 26 a Lua nasce às 21h14 no azimute 61º, contado de Sul para Este.”

Nesta altura, o satélite estará ainda mais perto da Terra e vai brilhar ainda mais do que a “Super Lua Rosa” do passado mês de abril.

Publicidade

Neste dia, o céu será ainda palco de outro fenómeno: um eclipse lunar total, que infelizmente não será visível a partir de Portugal. Não vamos poder assistir a este eclipse, mas está previsto um segundo eclipse anular do Sol no dia 10 de junho, este sim visível a partir do nosso país. Mas na altura devida daremos mais pormenores sobre este evento astronómico.
@ian-nicole-reambonanza

O que é uma Super Lua?

Uma Super Lua nada mais é do que uma lua cheia conhecida como Perigeu. Tentando simplificar o termo: uma vez que a órbita da lua à volta da Terra é elíptica, variando entre 356.000 e 406.000 quilómetros, faz com que o satélite fique, por vezes, mais próximo ou mais distante da Terra. A este facto chama-se Perigeu, a fase em que a lua se torna cheia ao mesmo tempo que a sua órbita está mais próxima do nosso planeta.

De acordo com a NASA , o nome da “Lua das Flores” surgiu na década de 1930, quando o Maine Farmers Almanac publicou nomes que os nativos norte-americanos utilizavam. A lua cheia desta semana tem este nome pois ocorre quando as flores aparecem na primavera do hemisfério norte.

Foto de capa: @david-dibert