×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...

Festival Porta-Jazz regressa ao Rivoli para a 12.ª edição

Filipa Santos Sousa Filipa Santos Sousa

Teatro Rivoli acolhe festival Porta-Jazz

O Festival Porta-Jazz regressa a um dos palcos mais emblemáticos do Porto, ao Rivoli, entre 4 e 6 de fevereiro. A 12ª edição conta com estreias e lançamentos de novas edições discográficas.

Depois de uma edição ao ar livre, o Festival Porta-Jazz volta a celebrar-se ‘dentro de portas’. No total, são esperados 17 concertos, com mais de 80 músicos, nacionais e estrangeiros.

Programa

4 de fevereiro

O festival arranca com a apresentação do novo álbum do cantor Manuel Linhares, “Suspenso”. No mesmo dia, é apresentado “A Tribo“, o mais recente trabalho do grupo “Coreto”.  No Café Rivoli tem lugar uma jam session, com um ensemble da Jobra.

5 de fevereiro

No segundo dia, o Grande Auditório acolhe a cantora Vera Morais e o saxofonista Hristo Goleminov. Pelo mesmo palco, passa o contrabaixista Demian Cabaud, que vai apresentar o álbum “Otro Cielo”. Além disso, o Grande Auditório recebe o concerto “Sombras da Imperfeição“, do pianista Hugo Raro com o artista plástico Jas.

Já o Pequeno Auditório acolhe a cantora Joana Raquel e o pianista Miguel Meirinhos. No Café Rivoli tem lugar uma jam session com um ensemble do Conservatório de Música do Porto. Por sua vez, o Sub Palco recebe o ensemble Robalo/Porta-Jazz.

Publicidade

6 de fevereiro

O festival encerra com ‘chave d’ouro’. António Loureiro, multifacetado artista brasileiro, apresenta-se no Grande Auditório. Ao seu lado, dois colossos da guitarra, Kurt Rosenwinkel e Pedro Martins, e o baterista Obed Calvaire. Mas, pelo Grande Auditório, passa ainda o projeto Nest, liderado por Alfred Vogel, que conta com o violinista francês Theo Ceccaldi.

No Pequeno Auditório, o saxofonista Daniel Sousa vai apresentar o resultado de um desafio que lhe foi feito pelo festival. Ao seu lado, a cantora Susana Nunes e Wanja Slavin no saxofone alto e flauta transversal, PJ Fossum, nos sintetizadores. José Diogo Martins no piano, Carlos Borges no baixo e Eduardo Dias na bateria.

No entanto, os concertos no Pequeno Auditório não se ficam por aqui. Neste espaço, o contrabaixista Miguel Ângelo apresenta “Dança dos Desastrados”.

A programação completa do festival Porta-Jazz pode ser consultada aqui.

Cultura Notícias O Que Fazer