×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...

Locais quase secretos: Bandeirinha da Saúde, o que sabes sobre este pilar?

Porto Secreto Porto Secreto - Editor

bandeirinha da saude

Já ouviste falar sobre a antiga ‘Bandeirinha da Saúde’? Com certeza que já passaste muito próximo várias vezes, mas talvez nunca tenhas reparado.

Vamos então atrás deste marco um pouco ‘esquecido’ na cidade do Porto. A Bandeirinha da Saúde está localizada no largo junto ao imponente Palácio das Sereias, oferecendo uma vista desafogada sobre o rio Douro e a cidade de Gaia. Fica numa rua típica do Porto, que mantém o seu traçado e cujo nome sempre se manteve: rua da Bandeirinha.

Para que servia a Bandeirinha?

A Bandeirinha da Saúde foi construída entre 1597 e 1633, pelo pedreiro Bastião Fernandes, e foi um importante marco da cidade durante os séc. XV, XVI e XVII, uma vez que protegia a cidade de doenças ‘trazidas de fora.’ Era através deste pilar que os barcos que chegavam ao Porto pela barra do Douro, eram mandados parar a meio do rio, onde tinham de aguardar a ‘inspeção sanitária’, muito necessária nesta altura. Desta forma, salvaguardava-se a entrada na cidade de doenças graves como a peste, entre outras.

 

Deste modo, assim que se avistava um barco a subir o rio, a dita bandeirinha era hasteada, significando que o barco era obrigado a parar naquele local do rio Douro e a aguardar. Caso se validasse que a tripulação incluía pessoas com sintomas de doenças, estes eram então encaminhados para o Mosteiro de Santo António da Piedade, na margem de Gaia. Este mosteiro foi então convertido em ‘lazareto’, um local onde era feita a quarentena. Aqui, a tripulação permanecia até ficarem de boa saúde. Este casarão é ainda hoje visível na margem de Gaia. Quanto ao barco, este era mantido em quarentena também.

Publicidade

bandeirinha da saude
Palácio das Sereias e pilar da Bandeirinha da Saúde | @portugalinews

Hoje, neste pilar existe apenas uma bandeirinha em chapa metálica, contudo, na altura em que este pilar estava ao serviço da Cidade, esta era de pano, permitindo maior visibilidade. Esta ‘bandeirinha’ perdeu a sua função no século XVIII, mas o seu pilar continua preservado no mesmo local, pois faz parte da história da nossa cidade.

 

Já conheces o antigo velódromo do Porto? Este também é um local um pouco esquecido na cidade.

 

Foto de capa: @portugalinews

O Que Fazer