×

TIPO EM SUA PESQUISA E PRESSIONE ENTER

Carregando...

Ruas históricas do Porto: quem foi Cândido dos Reis?

Carolina Bessa Carolina Bessa

rua cândido dos reis

É uma das ruas mais movimentadas da cidade.

Quando falamos na Rua de Cândido dos Reis, imediatamente reconhecemos como uma das principais da cidade, nomeadamente no que a momentos descontraídos diz respeito, não fosse esta uma das ruas com mais bares no Porto.

É o ponto de encontro de muitos, seja depois do trabalho ou à noite (numa altura não assombrada pelo coronavírus) e é também uma rua que acolhe alguns mercados urbanos aos fins de semana. Para além de tudo isso, é uma rua que tem uma história para contar.

Já não é novidade que muitos nomes das ruas são homenagens a momentos ou pessoas que, de alguma forma, marcaram a cidade Invicta. Já aqui falamos, por exemplo, da célebre Praça Carlos Alberto ou da Rua Santa Catarina, entre muitas outras. Todas elas, tal como a Rua de Cândido dos Reis, são peças do puzzle que é a história da cidade do Porto.

Como adoramos puzzles, estamos constantemente à procura de mais e mais peças para o completar. Por isso mesmo, hoje fomos à descoberta da história por detrás do nome desta rua.

rua cândido dos reis

Afinal, quem foi Cândido dos Reis?

Pensar na Rua de Cândido dos Reis implica, quase de forma automática, pensar na Rua das Galerias de Paris. Numa altura em que não há ameaças de vírus, as noites do fim de semana, para muitos portuenses, passam por saltitar entre as duas. No entanto, ainda que andem, normalmente, de mão dada, as histórias que os seus nomes contam são totalmente distintas.

A “rua de baixo”, a larga e bela Rua de Cândido dos Reis, homenageia Carlos Cândido dos Reis, também conhecido como Almirante Reis. E quem foi ele? Foi um revolucionário republicano que lutou contra a monarquia pela implementação da República em Portugal.

Publicidade

No entanto, não é apenas isto que o distingue. A história do Almirante Reis fica também marcada pelo seu suicídio, a 4 de outubro de 1910, um dia antes da implementação da República no nosso país. As causas deste ato prendem-se com o facto de pensar que toda a sua luta tinha sido em vão e considerar que a revolução tinha fracassado e a monarquia iria prevalecer.

Ora, como sabemos e bem, 5 de outubro é hoje feriado nacional por celebrar esta conquista, pela qual Cândido dos Reis lutou, mas à qual não assistiu. Neste seguimento, os nomes das ruas da cidade com referências monárquicas nos nomes foram substituídos, tendo esta sido apelidada de Rua de Cândido dos Reis.

Anteriormente era conhecida como Rua da Rainha D. Amélia.

Foto de capa: flickr.com/zwigmar

O Que Fazer